HOME Serviços LOJA ENCOP ORÇAMENTO Empresa
HOME
Serviços
LOJA ENCOP
ORÇAMENTO
Empresa
Pragas
ARANHAS
BARATAS
CUPINS
ESCORPIÕES
FORMIGAS
MORCEGOS
MOSCAS
PULGAS
TRAÇAS
RATOS
PRAGAS DE JARDIM
Tire sua Dúvida
Equipamentos
Inseticidas
Métodos
Contato
 Outras Espécies
 Aranha Marrom
 Aranha Viúva Negra
 Aranha Armadeira

                  


     Aranhas de Jardim

           As aranhas são artrópodes do Subfilo Cheliceriformes e pertencem à Classe Arachnida, que abrange também os escorpiões, opiliões, ácaros, e pseudoscorpiões dentre outros.
          O desenvolvimento é direto, o número de mudas exigido para atingir a maturidade sexual varia de acordo com a espécie. A temperatura é um dos principais fatores controladores primários na determinação do padrão de ciclo de vida. Isso significa que espécies de regiões temperadas podem passar o inverno inteiro na forma imatura e, quando o verão começa, elas atingem a maturidade sexual.

          Considerando o numero de espécies, o numero de indivíduos e o fato de todas, exceto Uloboridae e Heptathelidae , serem providas de glândulas de veneno, são pouquíssimas as aranhas importantes do ponto de vista médico. Estas são as aranhas  importantes do ponto de vista médico. Estas são as aranhas perigosas (aranha armadeira,aranha marrom,aranha de jardim, aranha viuva negra). Segundo Bucherl (1972), registros de acidentes ocorridos com pacientes atendidos no hospital Vital Brasil, do instituto Butantã, mostram que entre nós, na maioria dos casos, eles são provocados por aranhas do gênero Phoneutria (  aranha armadeira ). De maior gravidade, vêm, em segundo lugar, os causados pelo gênero Lycosa( aranha de jardim). Muito menos freqüentes, porem, comumente de alta gravidade, em terceiro vêm as do gênero Loxosceles ( aranha marrom ), em quarto estão as Latrodectus ( aranhas viúvas-negras ). 
          O araneísmo, ou seja, o envenenamento causado por picadas de aranhas, é com freqüência  designado mais particularmente por termos relacionados com o nome genérico do agente causador, como, por exemplo: loxoscelismo ( de Loxosceles), latrodectismo ( de Latrodectus) etc

          A picada de aranha é sempre caracterizada por aparecimento de duas pequenas perfurações na pele, no local atingido. São as marcas produzidas pelas quelíceras. Esse par de orifícios nunca aparece em caso de picada  de escorpião ou de inseto provido de ferrão.

 



jardimAranha de Jardim
Classe: Arachnida
Ordem: Araneae 
Família: Lycosidae
Nome Científico: Lycosa erythrognatha
Nome vulgar: Aranha de jardim, aranha de grama, aranha lobo ou tarântula

          Lycosa (aranha de jardim)– Segundo Bucherl (1972), alem das de outros países sul-americanos, só do Brasil foram descritas cerca de cem espécies desse gênero, Incompletas e pouco claras (com algumas exceções), essas descrições tornam a identificação uma operação árdua, até para os especialistas.
         De porte um tanto menor que o de Phoneutria, essas aranhas de jardim são frequentemente acinzentadas e vivem comumente em gramados, até mesmo nos de jardins domésticos, quando a grama permanece alta por muito tempo. São conhecidas por aranhas de jardim, aranhas de grama, tarântula. De acordo com o autor acima citado e com o Hospital Vital Brasil(1984), a espécie mais freqüente é Lycosa erythrognatha
( Lucas, 1836). Seu corpo mede cerca de 2 co e suas pernas, 2,5 a 3 cm. O cefalotórax é esbranquiçado em sua parte mediana, da qual partem para a periferia pequenas faixas dispostas à maneira de raios. No dorso do abdome, há uma figura lembra a ponta de uma flecha. A face ventral do abdome, o esterno e as bases das pernas (ancas) são pretos ou castanho escuros. As quelíceras e palpos são frequentemente providos de cerdas alaranjadas ou avermelhadas. As pernas, acinzentadas na face voltada para o substrato, possuem pequenas manchas escuras. Os olhos formam três filas: a primeira com quatro, as duas com dois.

 

          Veneno e Araneísmo

           Picadas de aranhas de jardim desse gênero ( principalmente Lycosa erythrognatha ),  é que provocam acidentes. Cerca de 100 a 150 casos são atendidos anualmente no Hospital Vital Brasil. Proteolítico, o veneno provoca dor local muito pouco acentuada que, ás vezes, aparece tempo,depois da inoculação. A região atingida mostra inchaço e vermelhidão. Pode ocorrer infecção secundária e, mais raramente, necrose superficial da pele. A ação é puramnete local, não pondo em risco a vida do paciente. O único tratamento indicado para picada de aranha de jardim é o curativo local com uma pomada antiinflamatória, anti-histamínica e antibiótica. Não se justifica um tratamento especifico.


HOME | Serviços | LOJA ENCOP | ORÇAMENTO | Empresa
Site Map